sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Vale a pena ouvir...

Vou deixar um vídeo em que (mal) se conseguem ver crianças Timorenses pertencentes a um orfanato a cantar uma musica simplesmente fantástica...arrepia (a letra é um poema de Xanana Gusmão)! São estes meninos Timorenses que vão representar o nosso Portugal no dia das Nações Unidas... Lá está Portugal a marcar a diferença e a mostrar que as ligações que temos com este povo vão bem para lá das relações burocráticas ou institucionais...
Cumprimentos a todos...

HANOIN = Saudade

video

9 comentários:

  1. Sei que sentes esta música como as folhas sentem as madrugadoras folhas de orvalho ao fim de um periodo de seca...sei que olhas nos olhos destas crianças com uma alma que vai além do militar que és e atinge a tua sensibilidade como as penas que caem atingem o chão...sei que bebes o que te é dado a aprender aí como quem se sacia em haustos de alvorada...É bom que às almas mais grandes lhes sejam facultadas grandes experiências. Aproveita cada segundo, pois os momentos apaixonantes são como golpes profundos que nos marcam para uma vida. Saudade...

    ResponderEliminar
  2. Saudades do meu amigo, ao ouvir esta (linda) música... :( Beijo*

    ResponderEliminar
  3. Fantastico amigo.... isso arrepia qualquer um!!! Sao estes momentos que deixam marcas nas nossas vidas, e tu es um daqueles que nao consegue desvalorizar um momento destes!! Abraço e beijinhos..... (Luis e Sao)

    ResponderEliminar
  4. Simplesmente BRUTAL!!!

    Cumprimentos!

    ResponderEliminar
  5. hoje já consegui ouvir . É bonito e como tu vives tudo isso!!! também é bonito. Estou cada vez mais orgulhosa do filho maravilhoso que deus me deu . Obrigada por seres assim Tenho pena de não poder estar aí também para podermos os dois dar o Amor que tanto precisam .Muitos beijos e hanoin.Adoro-te.Mãe

    ResponderEliminar
  6. existem de facto pequenos e simples momentos que nos conseguem transimtir um variado e enorme leque de emoçoes!! Espantoso! A guitarra por traz fez-me lembrar tambem um certo tipo de cançoes dos escuteiros!lol
    Espero que te esteja a correr tudo de feiçao vai dando noticias!
    Grande Abraço

    ResponderEliminar
  7. De facto Portugal nao é so relaçoes burocráticas e institucionais...

    "

    O que buscava
    Era, como qualquer, ter o que desejava.
    Febres de Mais. ânsias de Altura e Abismo,
    Tinham raízes banalíssimas de egoísmo.

    Que só por me ser vedado
    Sair deste meu ser formal e condenado,
    Erigi contra os céus o meu imenso Engano
    De tentar o ultra-humano, eu que sou tão humano!

    Senhor meu Deus em que não creio!
    Nu a teus pés, abro o meu seio
    Procurei fugir de mim,
    Mas sei que sou meu exclusivo fim.

    Sofro, assim, pelo que sou,
    Sofro por este chão que aos pés se me pegou,
    Sofro por não poder fugir.
    Sofro por ter prazer em me acusar e me exibir!

    Senhor meu Deus em que não creio, porque és minha criação!
    (Deus, para mim, sou eu chegado à perfeição...)
    Senhor dá-me o poder de estar calado,
    Quieto, maniatado, iluminado.

    Se os gestos e as palavras que sonhei,
    Nunca os usei nem usarei,
    Se nada do que levo a efeito vale,
    Que eu me não mova! que eu não fale!

    Ah! também sei que, trabalhando só por mim,
    Era por um de nós. E assim,
    Neste meu vão assalto a nem sei que felicidade,
    Lutava um homem pela humanidade.

    Mas o meu sonho megalómano é maior
    Do que a própria imensa dor
    De compreender como é egoísta
    A minha máxima conquista...

    Senhor! que nunca mais meus versos ávidos e impuros
    Me rasguem! e meus lábios cerrarão como dois muros,
    E o meu Silêncio, como incenso, atingir-te-á,
    E sobre mim de novo descerá...

    Sim, descerá da tua mão compadecida,
    Meu Deus em que não creio! e porá fim à minha vida.
    E uma terra sem flor e uma pedra sem nome
    Saciarão a minha fome. "

    Jose Régio

    ResponderEliminar